,

“Amor além da vida”

E aí, bilolões senhoras e senhores! Tudo belezinha? Tá bom… Fazer o título parecer nome de filme foi proposital. O que acontece, é que achei esse vídeo bastante interessante, pois após um acidente de “moto” (scooter, na verdade), o casal, que veio a falecer, continua abraçado, mesmo após a queda! E venhamos e convenhamos, em acidentes deste tipo, não vemos muito dessas coisas. Ah, apesar dos populares do vídeo comentarem que a mulher ainda respira, a descrição do vídeo na fonte original dizia que ambos vieram a óbito mesmo. Esse caso ocorreu na cidade de Itabuna – BA.

Usuário Android ou IOS clique AQUI.

Por hoje é só, pessoal. Amanhã tem mais. Bom final de semana, e cuidado pra não virar post aqui, champz!

Até a próxima. Beijo na bunda! :P

Written by Peu

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco.
"Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral.

SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também.

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte.

Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

Comentários