,

Mais um caminhão que manda mais um motoqueiro pro além [Agora com vídeo]

Olá, queridos leitores gente chata do caralho, digo, gente chata do caralho queridos leitores! A sugestão de hoje chegou via email, e foi enviada pelo leitor Lucas Macedo.

A descrição não dizia muita coisa… apenas que o acidente ocorreu em Cuiabá – MT, na tarde do dia 21/04/2014. O motoqueiro teria sido atropelado por um caminhão, e acabou partido ao meio.

Segundo o leitor Oliveira (via comentários), o nome da vitima era Hedario Souza Santos, e ele seguia pela faixa da esquerda, enquanto o caminhão trafegava ao lado, pela faixa da direita, quando o motorista do caminhão teria ido para a outra pista e fechado o motociclista. Nisso, Hedario bateu na lateral do caminhão e perdeu o controle da direção. Em seguida, bateu de frente contra um poste de energia. O corpo da vítima partiu ao meio com o impacto da colisão.

  altApKZsm7UIHcU4-fI3tIWB4SpPAa3TIgSuvflYWxYtcQW

altAhLKMShK4QCYuCis5eBUHacPsVTB-eQNAoWQvHFJ5Omb

altAo3unvfCr7I_tzY7j7dFArJS7IC301jP5vH5goJWNJ6h

altAmTTr4IYew8sVhVFcjf_ZORw_TlrCtPYywipQOmkNbiD

altAu6MD5usmyF-vi8frMa8m3VRB2xnLO1BwzMjTvHi8-fo

altAoABBT9uyeBsuf47HFL-UBexqvdS1QVYUVk_1Vtkcstf

De quebra, o Sweeney Todd (Leley) ainda tinha esse vídeo, e não tinha postado por falta de informações. Aí passou pra mim! Eu amo esse cara (Héterossexualmente falando, lógico)! :P

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

E o que temos por hoje.

_

Já enviou seu vídeo para o Ice Bucket Challenge mais bizarro do Brasil? Anda, corre lá e envia no [email protected] e concorra a prêmios! Mais explicações AQUI.

MiniaturaDoVideo

E é isto. Sugestões no [email protected] ou no Facebook.

Até a próxima! Beijo na bunda. :P

Written by Peu

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco.
"Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral.

SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também.

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte.

Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

Comentários