,

E o feitiço vira contra o feiticeiro…

E aí, lote de bicho de ponta meus amados leitores. Como prometido, trago-lhes mais sangue informação, sangue realidade, e sangue sangue. A fonte não dizia muita coisa, mas dizia o suficiente. O felizardo A vítima era, nada mais, nada menos do que um dos comandantes dos Los Zetas (pra quem nunca ouviu falar [acho muito difícil], trata-se de um dos maiores cartéis de drogas do México, se não, o maior), conhecido como El Bebe, e teria sido pego por membros do Cartel Del Golfo (como o próprio nome já diz, outro cartel de drogas. Dhããããã). Pois bem, como disse o título (em outras palavras), dessa vez, o torturador foi o torturado. E a galera fez o trabalho direitinho com ele: Lhe deram cacetadas, choques, lhe cortaram uma orelha e, praticamente, o fizeram degustar a mesma. E como Grand Finale, o agraciaram arrancando aquele depósito de merda que ele carregava acima do pescoço, também intitulado de cabeça por alguns. Apreciem com moderação.

 

Ai, ai… É tão bom ver chinelage se fodendo. Mesmo que seja pelas mãos de outros seres tão baixos quanto.

E é isto. Amanhã tem mais.

Até a próxima. Beijo na bunda! :P

Written by Peu

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco.
"Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral.

SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também.

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte.

Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

Comentários