Festival com morte de porcos

Olá moçada, tudo certo?

O post de hoje foi dica do leitor Diego Danfrer, muito obrigada pela dica e desculpe a demora.

Num festival no Vietnã a matança de porco é algo fundamental. Cerca de quatro homens puxa cada pata do animal o deixando bem escancarado com a barriga virada para cima enquanto outro homem acerta diversas facadas na barriga do animal. Uma cena bem dolorosa de se ver para quem gosta de animais, porém, não estamos tão longe disso. Acompanhem:

Não consegui ver o vídeo com áudio, mas o tadinho deve ter gritado horrores.

Por hoje é isso meus thucos, até a próxima!

Mega Bizarro
loading...

Comentários!

Atenção: os comentários desse site são via Facebook e sequer fica arquivado em nossos servidores. Então tudo o que você escrever aí em baixo é de inteira e completa responsabilidade sua. Tome cuidado, Goku e as autoridades estão de olho, ok?!

167 Comentários nesse post. Comente!

  1. Cudo…juro q tentei assistir mais desisti…confesso q meu ponto fraco sao videos q envolvem animais ou criancas sofrendo por alguma coisa…to fora…mais aguardo por outros post…..isso e bizarro na veia sempre….

    Patriota / Responder
    • Kra posso te dizer que os chineses são a raça mas porca fria e sem coração que existe me da até nojo trabalhei com uma família de chineses e via coisas extremamente repuguinantes como cuspi no pasteu Pr vender quando tinha raiva do cliente esmagar barata com a mão .. Sério isso Pr eles e comun .. Hó raça nojenta vemos claramente pelo vídeo que a matança e feita só por prazer .. Odeio eles e sinto nojo há e podem me chamar de preconceitooso que te digo um belo foda-se

    • tava gordinho ein. pena que eles não sabem fazer churrasco

      marcos / (in reply to Patriota) Responder
    • Eu tmb PATRIOTA. NUNCA ASSISTO vídeo q mostre maus-tratos com qualquer tipo de animal. Sou ativista na causa animal e tmb vegetariana. Não vejo por nada isso! Ás vzs q tentei, chorei muito, fiquei dias impressionada, c a imagem na cabeça. Tenho animais de estimação em casa e nem gosto de pensar em eles sofrerem algum tipo de mau-trato por quem quer q seja…Desculpe, Cudo, mas esse vídeo não consigo ver…Rs.

      Clau. / (in reply to Patriota) Responder
    • Patriota contraditório, ora apoia uma coisa ora diz ser contra.

      Luís / (in reply to Patriota) Responder
  2. Fico impressionado como o ser humano consegue ser tão animal, fazer festival pra matar porco com espada fora outras inúmeros festivais idiotas.

    SidãoRock / Responder
  3. Primeira coisa que fiz foi tirar o áudio tbm x.x PQP

    Gustavo Silva / Responder
  4. “Vejo animais matando um porco…”

    KaliD / Responder
  5. Vai dormir cudo!!! *-*.

    M.Aguiar / Responder
  6. Qual a finalidade desse festival? Não consigo entender o que se passa na cabeça dessas pessoas.

    Felipe / Responder
    • Eles fazem isso para comemorar alguma data do ano específica, em toda Ásia as tribos fazem isso, usam porcos bodes e bois, e no final a carne do animal é assada e servida para as pessoas! Tudo não passa de uma festa. Allah hu akbar ^^

      Israfil / (in reply to Felipe) Responder
  7. Na boa, acho muito falta de amor no coração fazer isso.. Não nenhum fanático protetor dos animais, mas acho que para fazer isso deveriam ter mais respeito e cuidados para não causar sofrimento ao bicho. Fazer uma coisa dessas em praça publica como se fosse um circo… So lamento a cultura de alguns povos serem assim! Não sou etinocentrico, mas não vejo isso e muitas coisas pelo mundo com bons olhares..

    Mateus santos / Responder
  8. Que gente desgraçada! Não suporto ver animais inocentes sofrerem, é a pior coisa do mundo! Inaceitável fazer isto com o pobre animal. A raça humana é a pior raça do planeta.

    Giordanno / Responder
    • Que mal lhe pergunte meu amigo, vc come carne ?

      SHIKAKUU / (in reply to Giordanno) Responder
      • Não eh questão de comer carne… mas sim do bicho sofrer… além do mais isso nem um matadouro eh… mas sim alguma cultura BABACA… fazem o bicho agonizar pra nada… bando de otario

        Esther / (in reply to SHIKAKUU) Responder
        • Digamos que houvesse uma raça mais evoluida ou que pudesse subjulgar, os humanos e que se alimentasse de seres humanos vc acharia normal, eles comerem pessoas com tanto que matassem as sem agonizar.
          Toda morte e cruel quando não há necessidade, e o ser humano sobreviveria sem carne sem nenhum problema, na verdade a carne mais atrapalha que ajuda o homem, a carne e totalmente dispensavel, se vc e contra a crueldade contra animais começa PARANDO DE COME-LOS.

          SHIKAKUU / (in reply to Esther) Responder
          • Esther se me permite sugeri lhe uma post, vc vera q a realidade na maioria do matadouros,são bem piores que esse “ritual”,e a questão da cultura em quase todo o mundo e que esses animais são mortos por sangria/hemorragia, que não e muito diferente, já que independente de onde seja o corte, o cerebro ainda funciona alguns minutos depois que o coração para de bater, eu mesmo tenho um primo que com 14 anos matava porcos cortando a jugular dele, e isso e normal entre eles. A proposito o link http://www.issoebizarro.com/blog/mundo-bizarro/horror-de-um-matadouro/, e que mesmo como em frigorificos de abate humanizado onde e usado a pistola de ar comprimido vc pode observar que muitos animais não morrem instantaneamente e ficam a se debater.

            SHIKAKUU / (in reply to SHIKAKUU)
    • quando o bifezinho ta no prato ninguem lembra dos bixinhos né?, isso ja foi postado aqui.

      bruno / (in reply to Giordanno) Responder
      • Não é questão de comer carne ou não. Há um enorme diferença em matar pra comer, e Matar pra se divertir…

        rodrigo MAD DOG / (in reply to bruno) Responder
        • Já teve comentários aqui dizendo que após essa “apresentação” as carnes são consumidas!

          cudocamelo / (in reply to rodrigo MAD DOG) Responder
          • Eu nem ouso entrar nesse merito, por que em muitos cultos e religiões inclusive a judaica e a cristã {que tambem tem o antigo testamento como fundamento de sua fé} havia sacrificio de animais que não tinha a finalidade de servirem de alimento, mas sim de culto ao seus respectivos deuses, e eu tenho quase certeza que eles devem ter consumido a carne daquele animal, sendo assim não mataram por diversão.

            SHIKAKUU / (in reply to cudocamelo)
    • Na verdade a espécie é uma das menos cruéis que existem. Entre os humanos ainda existem pessoas que sentem alguma pena por ver animais morrerem, coisa que um leão ou um tigre não teriam, mesmo se não for para comer…

      Rei das Batatas / (in reply to Giordanno) Responder
  9. OMG.. LOL

    eduardo / Responder
  10. Aqui não temos lei e o povo é hipócrita o mundo inteiro saber e ninguém vem aqui dizer como é que deve funcionar o Sistema…Cultura é cultura e ponto, elas mudam , mas é o povo de lá que decidirá isso.

    Max / Responder
    • Mané cultura rapá… então era cultura na Alemanha Nazista exterminar judeus, vamos todos abaixar as cabeças e bater palmas!!! aff

      Alexandre / (in reply to Max) Responder
    • cultura de cu é rola…

      smoker / (in reply to Max) Responder
  11. Caramba. Não sou vegetariana e vídeos assim não me fazem abandonar a carne, mas que dá dó, dá :(

    Juliana / Responder
  12. bem legal eles ¬¬

    EWANDRO SCAR / Responder
  13. It´s a bullshit!!
    ops Piggg SHIT!!!

    TEM MAIS OQ FAZER NAO??? fuckkyeahhhhhhh lady lay lady!

    edu / Responder
  14. Infelizmente na maioria dos matadouros, ele sofrem ainda mais,ai eles foram apenas mortos, em matadouros são espancados, privados ate mesmo de se mexerem a ponto de praticarem canibalismo, e por fim mortos de uma forma estressante e dolorosa.

    SHIKAKUU / Responder
    • Olha, que a forma de morte e o estilo de vida é estressante eu concordo. Mas espancados? Não vejo a finalidade de um matadouro (que presa a qualidade da carne) espancar animais… De se mexerem pode até ser, mas cometer canibalismo? Pra isso eles deveriam estar sem comer, né? E vamos concordar que deixar um animal sem comer é prejuízo na certa. Não estou concordando com o modo que os animais são tratados, mas acho que você exagerou um pouquinho.

      cudocamelo / (in reply to SHIKAKUU) Responder
      • Não Cudo, isso é real, mas acontece em maioria em matadouros clandestinos, animais espancados sim, e eles cometem o canibalismo devido ao grande estresse, mordem as orelhas uns dos outros. Se não me engano alguém por aqui já postou um vídeo que tb falava sobre isso.

        AdrianaP / (in reply to cudocamelo) Responder
        • E não é pq vc não vê finalidade em alguma coisa, que elas não existam. O ser humano não precisa de motivos para ser mau com quem é mais fraco, com quem é incapaz de se defender.

          AdrianaP / (in reply to AdrianaP) Responder
        • Ahh, ai está, clandestinos… Ok, ai eu até concordo!

          cudocamelo / (in reply to AdrianaP) Responder
          • Maioria, não significa todos…. Pesquise…
            Como pode ser? Só eu acho vídeos e mais vídeos sobre abatedouros? A net de vcs está com problemas?
            De todos os tipos de abatedouros

            AdrianaP / (in reply to cudocamelo)
      • Na verdade eles praticam sim o canibalismo, não por fome e sim por stress, eles comem os rabos uns dos outros, pesquise um pouco mais e verá que é verídica a informação do nosso SHIKAKUU.

        Marcos / (in reply to cudocamelo) Responder
        • Claro, se você olhar matadouros clandestino ou muito antigos isso por até ser. Eu posso até estar enganada, mas, pra mim, seria muita perda de tempo e dinheiro maltratar o seu “produto”. É o mesmo que um vendedor de banana amassar a banana para depois vendê-la.

          cudocamelo / (in reply to Marcos) Responder
          • Cudo,se permite fazer uma sugestão,existem dois documentários que mostram realmente como isso acontece…”A carne é fraca” e “Terráqueos”,caso vc tenha estômago pra assistir,recomendo.
            Eu assisti e achei bem forte,mas ainda não consegui mudar meus hábitos,apesar dos dois (principalmente o segundo),ter me feito refletir bastante.

            Sabina / (in reply to cudocamelo)
          • Não consigo assistir essas coisas, eu até tentei.

            cudocamelo / (in reply to Sabina)
      • Olha, sou biólogo e zootecnista, estou partindo para a veterinária e afirmo que o comentário do Sr acima está repleto de equívocos e exageros que em sua maioria são criados por ativistas vegetarianos extremistas, e as pessoas como de praxe tem costume de replicar frases sem checar seu fundamento ou veracidade, pelo simples prazer de escandalizar e levantar bandeira de alerta. O animal em período pré abate é privado de alimentação durante um período de 24 horas, alguns casos até 48 horas, mas nunca de líquidos, isso se dá ao fato de que não se pode abater o animal que contenha muito resíduo alimentar no estomago, ou intestino, pois pode haver contaminação da carne por microorganismos que agem no processão de digestão ou absorção do alimento. Os animais não sofrem abusos físicos, como disse a autora da matéria, pois o mercado valoriza não só quantidade de carne, mas qualidade e animais estressados tendem a produzir um tecido de qualidade inferior, que não é desejável para comércio. Então Sr, não saia cuspindo bobagens que ouviu por aí, isso afeta pessoas de intelecto fraco, que também vão levar essa baboseira adiante, assim como os que acreditam no tal “hormônio de frango”, cheque sempre as informações.

        Felipe / (in reply to cudocamelo) Responder
        • Quando eu crescer quero ser igual a você s2

          cudocamelo / (in reply to Felipe) Responder
          • Não queira não Cudo, ou ele acha que “ativistas vegetarianos extremistas” inventaram os inúmeros vídeos sobre abatedouros?
            E ele como biólogo, zootecnista e futuro veterinário “pica das galáxias”, deveria se atentar para as regras não de um abatedouro legalizado (que muitas vezes tb não quer dizer nada), mas pela infinidade de abatedouros ilegais espalhados pelo país, e tb abatedouros espalhados pelo mundo.
            Ninguém cuspiu nenhuma bobagem, vc é quem deveria sair desse mundo de tudo é maravilhoso pq sou isso e aquilo e se atentar para a realidade.
            Se vc quiser sr. Felipe coloco aqui uma infinidade de vídeos sobre maus tratos, abate incorreto, canibalismo (canibalismo sim!!!), pra que vc se divirta e engula essa empáfia.
            .

            AdrianaP / (in reply to cudocamelo)
          • Adriana, eu concordo com os abatedouros ilegais. Me equivoquei na minha resposta ao leitor, nunca quis dizer que isso não existia!
            E eu quis dizer que queria ser como ele na parte do “biologo zootecnista”

            cudocamelo / (in reply to AdrianaP)
          • http://www.suinos.com.br/mostra_noticia.php?id=1966
            http://youtu.be/ZG730W6RZuA (espanha 1)
            http://youtu.be/o2YLfP0hhuE (espanha 2)
            http://youtu.be/K1vprAupVpM (espanha3)
            Assistam, fala inclusive sobre o canibalismo….

            AdrianaP / (in reply to cudocamelo)
        • Muita falácia, primeiro existem lugares que são referencia no tratamento de animais para abate que um ex jbs dona da friboi,chamado de abate humanizado, to certo PROF, mas que um exemplo maior ainda, a abatedouros licenciados municipais e estaduais, onde sai boa parte da carne que abastece varios estados, matando animais a marretadas sendo desossados no chão eu disse LEGALIZADOS E VISTORIADOS PELAS AUTORIDADES,http://www.youtube.com/watch?v=jUUwNedyb8c , e isso dr Dorilo, são imagens reais transmitidas e rede nacional e que teve veracidade reconhecida pelo poder publico, então não vem me dizer que eu sou so um alienado por que se eu digo algo você pode ter certeza que eu conheço o assunto a fundo, eu não preciso de um pedaço de papel para dizer que eu sou um doutor ou que eu só posso saber de determinado assunto se tiver um pedaço de papel na minha parede, por que de pseudos profissionais o Brasil tá cheio.
          Que provas doutor http://cievsrio.wordpress.com/2013/10/12/frango-contaminado-provoca-surto-de-gastroenterite-por-salmonela-nos-eua/ uma abatedouro legalizado, que mais http://www.youtube.com/watch?v=K1vprAupVpM baboseira e o que vc tá falando por que esse seu discursinho não reflete o panorama geral dos abatedouros e frigorificos do Brasil. Contra fatos não a argumentos, e a proposito queira ser como eu camelo kkk, brinks seja só vc mesmo q já tá bom.

          SHIKAKUU / (in reply to Felipe) Responder
          • E eu sei que Doutor e um titulo academico e não pronome de tratamento, mas e força do habito.

            SHIKAKUU / (in reply to SHIKAKUU)
          • HAHAHUAHA falei que queria ser como ele por causa do “Biólogo e zootecnista”!
            Eu gosto de comentários igual ao seu e o da Esther. Me fazem pensar e, acredito, que alguns outros leitores. Obrigada por seus comentários e a educação que vocês tem ao responder uma crítica oposta ao seu pensamento!

            cudocamelo / (in reply to SHIKAKUU)
      • Camelo , seria bom se vc pudesse ver esse documentario bem pequenininho dividido em 3 videos de aproximadamente 15 min cada, e vc vai ver por si mesmos eles fazendo tudo que eu disse e muito mais, e claro se ver tortura e sofrimento de animais indefesos não for seu fraco, e a proposito convido todos que estão lendo para que possam ver e divulgar esse doc http://www.youtube.com/watch?v=K1vprAupVpM.

        SHIKAKUU / (in reply to cudocamelo) Responder
      • Nenhum matadouro pensa no bem-estar do animal, até porque, é um matadouro. Existe sim muitos casos de maus tratos aos animais antes do abate sem necessidade…acho que existem muitas formas de abater um animal de forma indolor, mas muitos optam por torturar o animal até a morte. Inclusive, já teve casos de acontecer o canibalismo em tais lugares, principalmente com as galinhas, que ficam várias em uma pequena gaiola sem se mexer e com um estresse super elevado, por esse motivo, costumam cortar a ponta do bico delas.Pode até ser que os animais pratique o canibalismo, não porque sentem fome, mas sim pelo grande estresse. só acho.

        Não acho que ele tenha exagerado…como dizem, se paredes de matadouros fossem de vidro, muita gente não comeria carne…prova disso é o documentário “A Carne é Fraca”…e teve um post aqui no IéB sobre matadouros, “O horror de um matadouro”, e revela a verdadeira crueldade de muitos matadouros por aí.

        Bruna! / (in reply to cudocamelo) Responder
        • Não estou falando que eles pensam no bem estar dos animais, mas sim da carne. Não vejo a necessidade de espancar os animais para maltratar a carnes. Sei que existem muitos mal-tratos, infelizmente, e sei também que eles são presos. Já vi esse documentário Bruna, é bem tenso mesmo!

          cudocamelo / (in reply to Bruna!) Responder
          • Infelizmente a ignorância militante é imperativa no País, eu não sou o tal pica das galaxias como citaram, muito menos dono da verdade, só não gosto de pessoas que são ignorantes intelectuais nesse aspecto opinando baboseiras das quais não sabem, assistir vídeos, ler artigos na internet é diferente do que trabalhar com isso, conhecer a fundo, diferente também de estudar a vida toda para aprimorar as técnicas que reduzem o sofrimento animal, ou vocês pensam que seu alface, sua soja, seus insumos vegetarianos não causam danos com uso em excesso de defensivos, bem como o processo de colheita, queima e processamento que respondem por uma grande matança de animais silvestres, ah, ia me esquecendo, ampliando áreas de cultivo se mata muito mais do que ampliando áreas para confinamentos e pastos, por favor, me poupem de militância e ignorância, sejam mais adultos, se você come sua alface tudo bem, o faça e guarde para sí, não queira converter o mundo a fim de uma causa perdida e que nunca será uma regra para os humanos, que carregam desde seus ancestrais a necessidade de se alimentar de proteína animal, que por mais que fiquem de mimimi e cuspindo artigos suspeitos, jamais poderá ser substituída de forma integral, então amiguinhos protetores dos animais, vão estudar mais sobre cultivo e produção de vegetais/grãos/ cereais e seus impactos diretos, só depois venham falar tantas asneiras, cudocamelo, se você gosta dessa área, vá em frente, não desista e nem se deixe levar por militantes, isso não te traz nada de bom, se você gosta, vá e faça, assim será feliz em seu futuro e não dedicará a sua vida em querer provar que o mundo está errado e só você está certa, como uns e outros fizeram ao querer desmerecer a minha pessoa, ademais, tens meu contato, qualquer coisa, me mande um email, talvez possa te ajudar em algo ou esclarecer alguma coisa em que tiver dúvidas. Obrigado.

            Felipe / (in reply to cudocamelo)
          • Obrigada Felipe!
            Fico feliz em saber que nós temos leitores que saibam debater sem querer se sentir superior a ninguém. E obrigada também por oferecer o seu contato, fico feliz novamente!

            cudocamelo / (in reply to Felipe)
    • Nao eh todo matodouro que eh assim… nao to dizendo q eles nao sofrem pra serem mortos, ate porque levam choque para desmaiarem e aí sim serem mortos… mas nao eh assim que funciona em todo matadouro… felizmente

      Esther / (in reply to SHIKAKUU) Responder
      • Pois é Esther, infelizmente as pessoas gostam de generalizar e só porque viram uns vídeos, só porque apareceu uma matadouro ilegal na tv, só porque “ah matadouros legalizados e vistoriados” maltratam e judiam do animal, gostei de ver que ainda existem pessoas que ponderam e pensam que toda moeda tem dois lados, que também sabe analisar e filtrar informações sem sair cuspindo bobeiras e difundindo informações de tv ou coisas “que ouviu falar”. Infelizmente não se controla tudo que existe no mundo, em teoria, deveria haver barreiras em plantações de grãos/vegetais/cereais que teriam a função de impedir que o “agrotóxico” usado não fosse carreado pela água da chuva e terminasse em rios e afluentes, mas isso não existe de forma geral, assim como o bom senso em 100% dos matadouros, mas generalizar, usar programa de televisão e coisa de internet pra querer provar algo, é ridículo, mas, como eu disse anteriormente, é sempre bom quando há ponderação e clareza no entendimento de uma matéria, admiro sua atitude. agora quanto ao fato de sofrerem choques, “marretadas” e afins para serem abatidos, o propósito disso é amenizar a dor e o sofrimento durante o processo de sangria, do contrário o animal sentiria tudo, agora pense, se médicos erram com humanos, agricultores erram com suas culturas, deixaria de haver exceção no abate de animais, dentro de milhões não seria possível que um ou outro sofreria?! Tudo tem dois lados, agora, infelizmente o extremismo consiste em desmerecer pessoas e fazer chacota de suas aptidões, isso de longe me cheira incapacidade de diálogo racional, mas enfim, obrigado pelo comentário sensato.

        Felipe / (in reply to Esther) Responder
        • Felipe, eu acho que esse post já teve comentarios demais, mas tudo bem voce e irredutivel a cerca da sua opinião eu não vou mais colocar estatísticas de km quadrados devastado so na Amazônia para criação de gado, e que o que e usado de grãos e cereais se aplicado na alimentação humana resolveria boa parte da fome nos respectivos países produtores de cortes bovinos, fora que as flatulencias desses animais contribui com uma grande parcela do suposto aquecimento global, mas so uma informação extra que Tamanho do intestino. Animais carnívoros possuem o intestino de 3 a 6 x o tamanho do seu corpo, enquanto que os herbívoros de 10 a 12 x o tamanho de seu corpo. E o dos humanos adivinha, ou mesmo que o cavalo bois e ate bufalos animais extremamente fortes e musculosos so se alimentam de folhas.
          A Acidez Estomacal dos carnívoros são 20x mais ácidos que os dos herbívoros. A acidez dos estômagos humanos são similares às dos herbívoros, blz, de fato e bom mesmo termos mais de uma opinião, so que eu não aceito ninguem me ridicularizar pelo fato de não ter um diploma, se te ofendi foi malz me empolguei, mas todo mundo erra.

          SHIKAKUU / (in reply to Felipe) Responder
          • E a proposito nunca disse que era vegetariano nem ativista ou vegan, só expus meu ponto de vista acerca desse tema.

            SHIKAKUU / (in reply to SHIKAKUU)
        • Por esse motivo não respondi mais SHIKAKUU, o Felipe chama os outros de ignorantes militantes, só por causa de um ponto de vista diferente, acha que por isso todos são vegetarianos e que não sabem o que estão falando. Sem contar que ainda é parabenizado por debater sem querer se sentir superior à ninguém rs. Ele se esquece que não precisamos de um diploma para termos vivência, mas enfim, desde que o mundo é mundo cada um tem a sua verdade, e a sua verdade é o que vc acredita.
          Espero que esse meu comentário apareça, pq alguns costumam ser “esquecidos”.

          AdrianaP / (in reply to Felipe) Responder
  15. Como o ser humano é bizarro o.o

    ewerton / Responder
  16. Podia ser pior … poderia ser com uma pessoa.

    jay-z / Responder
    • Ai cala a boca… afeee sempre tem esses “defensores de humanos”… o ser humano eh mt indefeso mesmo ne… tem pernas pra andar, boca pra falar e pensa… sabe mt bem se defender e tem nocao do que esta acontecendo… diferente dos animais…

      Esther / (in reply to jay-z) Responder
      • Nunca interajo com outros leitores, mas vamos lá: Cala a boca vc, tenho todo direito de expressar uma opinião, logo, não me culpe por não ser uma psicopata que nem vc, então não dirija mais a sua palavra a mim, pode ser?

        jay-z / (in reply to Esther) Responder
    • Cara eu acredito que vida e vida, não importa se nada se anda se rasteja, só acho que depende de que pessoa especifica vc esta se referindo.

      SHIKAKUU / (in reply to jay-z) Responder
  17. Pra que isso?

    Jr / Responder
  18. Cada país com sua cultura, horrível assistir isso. Por isso amo a Índia acredito que seja o único país q da mais valor aos animais indefesos

    Paulo Voltmer / Responder
  19. porque nao matava o bixo rapido pelo menos? bando de retardado mental

    Luiz / Responder
  20. sacanagem devim fazer a mesma coisa com esses fdps

    esperto / Responder
  21. cada costume mais besta.

    Jackie / Responder
  22. cretinos sádicos que gostam de sentir uma vida se esvaindo pelas suas mãos com muito dor humilhação e imploração

    Pogo / Responder
  23. ao menos, mais rapido do q muito abatedouro aqui no brazil

    Sepultura / Responder
  24. Passo….

    Cantarzo / Responder
  25. otimo post, sempe pensei q na tailandia nao se comesse carne, so sabia q comia aranhas e outros bixos bizarros, pra er um ritual para o porco deve ser um animal e uma carne respeitada, nos brasileiros nao podemos dizer se e certo ou errado esse ritual, pois comemos carne e nem sabemos como q o animal foi abatido, meu ponto de vista o porco nao sofreu, deveria estar delicioso, pena q o sangue foi desperdiçado, chiriço é uma delicia

    juninho / Responder
  26. pra que isso????? nao sou contra matar animais para se alimentar mas causar um sofrimento tao grande para um animal isso ja e covardia

    DANILLO / Responder
  27. deu fome agora”
    vo ali cume torresmoshuhsuhsu

    Dexter / Responder
  28. Não assisto, não assisto e não assisto. Rum!

    Urubu Rei / Responder
  29. ola gente maluca:-) sou portugues da ilha da madeira e lamento informar que aqui é tradição a morte do porco pela altura do natal, eu participei em tres dessas festas nesse natal… o porco é morto com uma faca com pelo menos 20 cm que vai direita do pescoço atravessa o torax e rompe o coração…o porco morre em alguns segundos e é morto por uma pessoa chamada de “marchante” o porco e deitado no chão, mas de lado…alguns tem 200kg e são precisas pelo menos 6 pessoas para segurar…tem muito de cultura antiga nessas tradições, uma delas é que o sangue do porco é deitado em uma panela com cebola, alho, salsa, pimenta e etc..e depois de estar gelado é cortado em pedaços e frito…a pricipal razão da festa é o convivio e a carne que o porco proporciona e destribuida por alguns familiares a restante é congelada e é comida durante o resto do ano até a proxima matança de outro porco…estão começando a entrar algumas leis para acabar com essas tradicões…mas pra quem vê isso desde criança não tem nada de invulgar…recentemente os porcos são mortos por um veterinario que usa uma bala nos miolos do bicho…

    bloodyskull / Responder
  30. So pode ser algo religioso!!! Religião de MERDA!!!!

    Henrique / Responder
  31. Deixar claro que é óbvio que essa prática não é no Vietnã inteiro ……. certeza tem milhões de vietnamitas que nunca viram essa festividade .
    É a mesma coisa que dizer que todo chinês come grilo , vermes , etc …… tem chinês que vai a turismo onde vendem essas coisas e ficam tão horrorizados quanto nós .
    O mesmo seria dizer que todo brasileiro pratica a chamada “Farra do boi” , evento em Santa Catarina , onde arrancam os 2 olhos do boi e perfuram várias vezes com facas e lanças para enfraquece-lo e depois o soltam nas ruas para apedrejá-lo .
    Lembrando também que ao contrário do que se pensa , a maior parte da carne consumida no Brasil , não vem de abatedouros legalizados , vêem de clandestinos onde impera a crueldade , tem vídeos no Youtube onde mostram sujeitos se divertindo dando marretadas no joelho do boi para ele cair ….. e só depois atingí-lo na cabeça ……

    Everton Mathias / Responder
  32. Esperando isso de nós? É a coisa mais normal de nossa natureza.

    Enoque Sabino / Responder
  33. muitos ainda vivem no século 15…

    roberto.dias / Responder
  34. …enquanto um homem acerta diversas facadas… FACADAS?? vc foi boazinha hein cudo?! rsssss

    cada doido com suas manias, digo, cada país com suas manias!!!!

    Allan Therezo / Responder
  35. *cada país com suas culturas!!

    Allan Therezo / Responder
  36. Depois ainda tem gente que diz “Religião e Cultura não se discute.”

    Andre Guilherme / Responder
  37. Gostei da parte que você falou que não estamos tão longe disso, diria até que deve acontecer coisas piores por aqui.
    P.s. Não vi o vídeo.

    Rodrigo / Responder
  38. Se já fazem isso com nossos semelhantes, que diria procos. Lamentável tamanha maldade.

    Jackson / Responder
  39. Isso que eu chamo de faca/espada amolada!

    Eu / Responder
  40. Esse eu passo, não suporto ver animais ou crianças sofrendo. Mundo cão do caralho. Como sempre a religião tem sua parcela de culpa nessa idiotice.

    Henzo / Responder
  41. Triste, eu já nem assisto porque amo animais, e ver uma cena dessas dói muito : é triste culturas como essas, mas temos que respeitar, fazer o que né?! Mandar matar todo mundo não dá (embora não seria uma má ideia). A cultura deles é matar bichos e a nossa é matar humanos. (desde que seja bandido tá tudo bem :))

    Luiza / Responder
  42. É, post com animais é sempre a mesma coisa.
    Gente hipócrita pra todos os lados… porque gente pode morrer mais animal não né?
    Vamos entender a nossa natureza humana: Nós matamos, é isso que fizemos durante esses últimos 50 mil anos e é o que vamos continuar fazendo, este é o homo sapiens, senhoras e senhores.
    Agora, se vocês não derramam uma lágrima pela sua própria espécime não venham bancar os defensores de outras espécimes.
    Bem, como sugestão pra quem não viu ainda, tem um documentário com o nome de Terráqueos ou Earthlings em inglês, pode ser encontrado aqui no site do IÉB.
    Quanto ao post, muito bom, cumpre perfeitamente a proposta do site.. é bizarro afinal.

    LP / Responder
    • Ninguém aqui disse que era insencivel ao sofrimento das pessoas, pelo menos não as de bem,nenhuma espécie deve ter seu direito a vida privado,por que todos temos direito a esse mundo e e por isso que algumas mortes evitam outras, ou vai mi dizer que vc lamenta pela morte de Hitler, se quiser te mando um link com fotos de crianças judias sendo mortas e torturadas pelo 3 reich.
      Essa e a diferença entre alguém que merece morrer, como o doente do Hitler, e um pobre animal que serve de atração principal pra uma plateia,que não se importa com a dor e o sofrimento de seus semelhantes, afinal o humano também e uma animal.

      SHIKAKUU / (in reply to LP) Responder
    • Concordo 100%. Até que enfim encontrei uma pessoa com o mínimo de juízo.

      jay-z / (in reply to LP) Responder
    • O ser humano mata para se entreter, para se vestir, para vender carne, para fazer vídeos para a deep web, etc. Você ainda acha que tem que se sentir orgulho dessa espécime e ser indiferente para com os animais?

      Um vídeo vale mais que ficar me delongando aqui, o ser humano simplesmente ta ferrando com tudo.

      Rodrigo / (in reply to LP) Responder
    • Ae mano, resumiu tudo perfeitamente perfeito.

      Allan Therezo / (in reply to LP) Responder
  43. oin oin, Bacon! :P

    Boliva! / Responder
  44. Não achei tão ruim assim como vi que muitos comentaram até porque não durou muito morreu rápido!

    Vine Lopez / Responder
  45. Já falei que dá agonia esse vídeo, né?

    Pois bem, além do vídeo deu agonia ler alguns comentários, me fez lembrar até de uma frase que define bastante algumas coisas que li, “O problema com o mundo é que os idiotas são seguros e os inteligentes são cheios de dúvidas.”

    Isso reflete muita coisa que li a respeito das informações de abatedouros. Fazemos o seguinte, bora parar de ‘pesquisar’ e arrumar um emprego em um.

    Leeh / Responder
  46. Não querendo ser hipocrita.
    Mas morte é morte.
    Portando se vc come carne de porco não tem que ficar reclamando.
    É por esses videos e outros que eu percebo que a vida humana não tem valor algum.
    Somos um cancer para esse planeta.
    Somos um mal para todo ser vivo.
    A melhor coisa que poderia acontecer é se todos humanos simplesmente sumissem sem deixar vestígio algum.

    Ubuntu 12.0 / Responder
  47. E FODA essa parada ae mata o porco desse geito

    john / Responder
  48. ao menos foi relativamente rápido —
    MENOS ruim do que os piores vídeos que eu vi aqui !
    Ainda sim é tenso, mas eu como carne e não tenho o direito de julgar

    lucas / Responder
  49. Não consigo, véi! Impressionante! Sou capaz de ver TODO e QUALQUER tipo de atrocidade com seres humanos, mas sou INCAPAZ de ver bicho sendo maltratado! Ainda mais porco, que faz um barulho do caralho!

    Carlos / Responder
  50. Nossa, eu assisto sempre esses videos no site, mas esse foi bem chocante mesmo… o porco dá um grito final quando leva a facada na barriga, foi bem forte esse video.

    Eduardo / Responder
  51. ”Apenas duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Só tenho dúvidas quanto ao universo.”

    Comentarista / Responder
  52. Pode até fazer a festa deles e tals, só que deviam sedar o bicho antes. até onde eu sei esse é o procedimento adotado hoje nos matadouros., choque na cabeça e daí o abate.

    O Sentenciador / Responder
  53. Caraleo ‘-‘

    Gangsta Style / Responder
  54. Po eu nunca consigo ver o link pra ver os videos aff

    Navegante / Responder
  55. Pessoal vesteido a carater, mas nada de religioso, cultural ou tradicional, apenas crueldade com o bicho, pessoal deve ter achado o máxvimo ver isso em público.

    Danilo Felipe / Responder
  56. Na hora de pedir um lanche sempre é com bacon né? Na hora de assitir o vídeo é tadinho.

    Adriano / Responder
  57. Esses vegetarianos extremistas são um saco, deixa eu comer o que eu quiser porra!!!

    carnoso / Responder
  58. Há muito não sinto mais nada olhando esses videos, inclusive de animais que era meu ponto fraco! se torna cada vez mais normal, e acredito que, sempre existiu, mas hj como é fácil fazer arquivo de mídia, nós ctemos acesso aos mais divversos videos de atrocidades… Já nem me revolto mais, não pelo fato que não deveria, mas pelo fato de que eu não vou mudar a realidade do mundo, e o fim vai ser o msm para todos nós, morte é certa, se iremos prestar contas ou não, já não sei, mas quem quiser conviver fazendo mal… boa sorte… vou aproveitar as coisas boas da vida

    smoker / Responder
  59. Não consegui ver o video todo

    Gisele Motta / Responder
  60. Que desgraça estúpida esse e essa? cultura infeliz…

    Predator / Responder
    • Cara cultura num tem nada há ver, no Brasil e em outros lugares do mundo são mortos ate de modos piores ou iguais, independente da língua ou do hemisferio da terra.

      SHIKAKUU / (in reply to Predator) Responder
  61. pra falar a verdade, foi uma morte bem rápida, nos sítios e fazendas aqui do Brasil, quando famílias matam porcos pra comer, normalmente o animal sofre bem mais do que isso.

    SFS / Responder
  62. como eu posso ver o video de um cara sem face, dezenas de fotos de mortos no trilho do trem tudo isso comendo e não sentindo absolutamente nada, quando o proximo post trata de animais a sensação de raiva, pena e espanto vem rapido. O ser humano é o mal do mundo, raça podre.

    luiz henrique / Responder
  63. …Já vi essas paradas acontecerem de perto com boi, pouco, carneiro, etc… É bem feio mesmo! Esse “coin coin” é de cortar o coração… Parece que estão chorando… :/
    Bem, não querendo mais falar sobre isso, prefiro não lembrar dessas coisas e continuar comendo meu bacon com ovo pela manhã, sem imaginar o modo como ele foi parar ali no meu prato (espertinhos irão dizer “como não sabe o modo? Vc pegou, fritou e se serviu, ora”, mas falo mesmo é da origem da carne e todo esse processo ae que fazem até ela chegar em mim…)
    Parabéns pelo post, Cudin! Um bjo e até o próximo! Um ótimo domingo p vc, meu dengo! :D

    Neo / Responder
  64. 0 PALMEIRAS TEM QUE SABER DISSO

    O MESTRE / Responder
  65. se fosse com pessoas ai nao iao gostar!!!

    rapadura / Responder
  66. Vídeo Indisponível. Não sei se fico triste ou feliz.

    Rafael / Responder
  67. Desculpa ! Ta disponível sim e agora sim to triste. Cacete que maldade :/ (porém seja bem-vindo o bacon nosso de cada dia). Belo post !

    Rafael / Responder
  68. avatomanocú pessoinhas falando em revoltante a forma que foi morto o porco!!! e ai pesquiso como foi abatido o teu churrasco ??? não pense que pelo fato de ser ou não em um abatedouro possa ser diferente? então coma a sua carne a cale a boca!!!! carne é bom e foda-se !

    kblo / Responder
  69. Bom post Cudo, sua LINDA ! <3

    Bjo (:

    Matheus / Responder
  70. Hun… não ví nada demais, não foi em mim.

    TioChico / Responder
  71. Cara, pra que isso ? É mais fácil sangrar o animal se for para consumo, mas matar assim é putaria já.

    Matheus Montano / Responder
  72. Nooooossa que legal *–*

    Temaki / Responder
  73. odeio posts sobre maus tratos contra animais não só pelos maus tratos mas tambem pelo enorme numero de pseudovegans tentando converter as pessoas. tantos vegans falando de assuntos que não conhecem e ainda atacam quem estudou tudo isso!

    jeff / Responder
  74. Olha, eu tenho a escolha de me alimentar apenas de vegetais, mas não me vejo me desprendendo desse hábito de degustar um delicioso carré com gotas de limão por cima (hummm), por isso não me acho no direito de julgar. Mas d qualquer forma tudo isso é muito estranho, matar por matar, assistir a morte de um animal, aplaudir o sangue escorrer… Sei lá, no mínimo bizarro!

    Vinicius / Responder
  75. CUDOCAMELO qual email eu posso entrar em contato com vocês?
    Eu mando email pelo formulário de contato no site, solicitando a remoção de um comentário meu e ninguém responde.
    Por favor 10 segundos da sua atenção aqui.
    Obrigado.

    Destroyer / Responder
  76. O vídeo foi retirado, a conta do YouTube foi desativada.
    Quanto a abate de animais, como disseram exaustivamente acima, há os “bons” e os maus lugares, e a carne que chega em nossas mesas, seja suína, bovina ou aviária, vem dos dois tipos de matadouro.
    Sou veterinária e na época em que estava cursando, visitei todos os tipos de abatedouros. O de porcos é uma gritaria sem fim. E não só pelo abate em si. O porco grita até no manejo, é característica do animal.
    Não sou contra o abate, até porque como carne – pouca, mas como – e sei muito bem como é obtida, mas o correto é procurar uma forma que envolva o menor sofrimento físico possível para o animal.
    Como o vídeo está off não pude vê-lo, mas pelas descrições de todos, ou quem matou o porco é um sádico confesso, ou alguém muito inexperiente no assunto.
    É triste de ver, chocante, muitos não conseguem, preferem fazer de conta que ignoram como aquela deliciosa picanha chegou em seus pratos.
    Enfim, me chateia ver sofrimento excessivo e desnecessário.
    Abraço a todos.

    Iroha / Responder
  77. tiraram o video da poha do iutoba. fiquei curioso pa ve. entretanto o que dá mais afliçao é ve os video borrado e sem definiçao daquele lixo do iutoba.
    entro de vez em qdo aki para ve as bizarrice e o primeiro que clico, o video num tem mais, que bosta. :(
    nota: escrevo errado de proposito, ok kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    O bizarro é que num continente tem povo que acha q a carne de porko é “impura” e outro povo adooooora essa iguaria servida de infinitas maneiras, sem duvida é uma carne macia e saborosa. Alguns dizem que a carne humana é parecida com a do porco.
    Eu li o romance “Animal Farm” e passei a destar porko, kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    não me importo com nadinha

    Baco, o deus da festança / Responder
  78. Bando de babaca queria ver se fosse a mae deles la ! Ah so deixa claro nao vi o video so to comentando porque sou contra quem maltrata animais !

    Juuh / Responder