,

Pessoas devoradas por Crocodilos

Salve, salve, galera do congresso senhoras e senhores. Andei meio sem tempo ontem, por isso fiquei lhes devendo uma postagem. Mas vamo que vamo, que um cachorro tá latindo pra caralho nessa porra o mundo é gigantesco, e ainda assim, não para de girar. (Zé Tomate do bar da alegria. What O.o)

O primeiro vídeo, me foi enviado pela leitora Renata Tatagiba, e o outro foi encontrado nos vídeos relacionados. Tratam-se de vídeos  de crocodilos sendo abertos, e pessoas (ou restos delas) sendo retiradas de dentro dos intestinos dos animais. Achei os vídeos muito interessantes, pois nunca tinha visto algo do tipo, por tanto, resolvi compartilhar com vocês. O primeiro vídeo, mostra os restos de uma criança. O segundo, provavelmente de um adulto.

 

Usuário Android ou iOS clique AQUI.

Usuário Android ou iOS clique AQUI.

É isto, pessoas. Acabei criando outro facebook, e espero que dessa vez eles deixem de viçar, e não se preocupem tanto com minha vida. Vocês podem me adicionar clicando AQUI. Sugestões de posts, ou lá, ou no email [email protected] .

Até a próxima. Beijo na bunda! :P

Written by Peu

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco.
"Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral.

SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também.

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte.

Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

Comentários