,

Vídeo repugnante de homem nu pendurado de cabeça para baixo e desmembrado (Consertado²)

04/05/2013 – 09:15

>Link do Vídeo Consertado, Pessoal. Peço Desculpas; Foi o LiveLeak Que Excluiu o Vídeo Sem Prévio Aviso. Qualquer Problema, Avisem Novamente. Obrigado a Todos Que Avisaram.<

______________________________________________________

E aew galerinha funkeira fãs da trágedia alheia! Tudo em cima? Pegando o embalo do vídeo de ontem, resolvi postar este no dia hoje, que recebi da carniceira de plantão leitora Nathalia Lopes (Thanks, Girl), via email. Trata-se de um bacanal desmembramento, praticado por (provavelmente) algum cartel Mexicano, assim como no post anterior. O título desta postagem, nada mais é, que o título do próprio vídeo traduzido. Este, por sua vez, não possui muitas informações, e as poucas que aparecem no início, dizem o seguinte:

“Isto vai acontecer ao ‘Mencho’ e a todos os extorquistas e sequestradores do CJNG. Já estamos limpando nosso estado. Atenciosamente, Los Aliados.”

Como disse a própria Nathalia: Mas esses Mexicanos são uns amores, né?

Beijo pra você também, Nathalia.

Bom, por hoje é só. Bom final de semana pra os senhores e senhoras. Se for dirigir, não beba. Mas se for beber, me chame! Rsrsrsrs.

Até a próxima. Beijo na bunda! :P

Written by Peu

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco.
"Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral.

SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também.

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte.

Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

Comentários