,

Cirurgia de Tumor Intra-Ocular

Primeiro quero agradecer ao Peu e ao leitor Hyan Souza. Realmente, é algo muito impressionante.

 

O vídeo de hoje é fodarastico e te faz levantar da cadeira e bater palmas para o médico (pelo menos pra mim). Eu fico me imaginando no lugar e, apesar do treinamento que provavelmente eu teria, ficaria tão nervosa que iria arrancar o olho do paciente. Imagina: “Ah errei a linha, como faz? Cadê a borracha?

Brincadeiras a parte a cirurgia trata-se de uma retirada de tumor. Eu não sei muito bem como funciona, mas sempre acho impressionante, por isso irei dar ctrl c ctrl v no que a descrição do vídeo.

Obs: Se você tiver mais informações compartilhe conosco.

Melanoma intra-ocular, um câncer raro, é uma doença em que o cancro (maligno) de células são encontradas na parte do olho chamada úvea. A úvea inclui a íris (parte colorida do olho), corpo ciliar (um músculo do olho) e coróide (camada de tecido na parte de trás do olho). A íris abre e fecha para alterar a quantidade de luz que entra no olho. O corpo ciliar muda a forma da lente dentro do olho para que ele possa se concentrar. A camada de coróide é ao lado da retina, a parte do olho que faz com que uma imagem. A úvea contém células chamadas melanócitos, que contêm cor. Quando estas células se tornam cancerosas, o câncer é chamado de melanoma.Melanoma intra-ocular ocorre mais freqüentemente em pessoas que são de meia-idade. Se houver melanoma, que começa na íris, pode parecer uma mancha escura na íris. Se o melanoma é no corpo ciliar ou coróide, uma pessoa pode ter a visão embaçada ou pode não ter sintomas, eo câncer pode crescer antes de ser notado. Melanoma intra-ocular é normalmente encontrado durante um exame oftalmológico de rotina, quando um médico olha dentro do olho com luzes e instrumentos especiais.

A chance de recuperação (prognóstico) depende do tamanho e tipo de célula do câncer, onde o câncer está no olho, e se o câncer se espalhou.

 

 

 

Written by cudocamelo

Sim, Cudo é uma menina.

Comentários