Filmes Bizarros #07 – Mangue Negro

Aê galerinha animada, tudo bom?

Hoje o filmes bizarros é especial, pois contamos com a presença de um filme nacional!!! UHUHL E, pirem, foi feito no Espirito Santo. E pirem de novo: O filme é de zumbi! Tipo: Tapa na cara da sociedade!!!

Sei que tem muito paga pau de americano ai e vai criticar o filme todo. Peço, por favor, que não perca seu tempo.

Ficha técnica:

Mangue Negro
Gênero: Terror/Horror
Duração: 105 min
Origem: Brasil
Lançamento: Setembro de 2008
Produtora: Fábulas Negras
Direção: Rodrigo Aragão
Elenco: Valderrama dos Santos, Kika de Oliveira, André Lobo, Reginaldo Secundo, Markus Conká, Maurício Ribeiro, Ricardo Araújo, Antônio Lâmego, Júlio Tigre.

O filme é passado no manguezal de Guarapari. Conta a história de uma pobre comunidade de pescadores que passa por problemas de escassez de alimento o que é uma preocupação para a população local que tenta sobreviver. Em busca de caranguejos e peixes os pescadores entram no manguezal e encontram muito mais do que queriam.

O filme roda através da vida de Luiz que é completamente apaixonado por Rachel, a quem a todo filme tenta se declarar. O rapaz vê a moça toda vez que caminha pelo mangue na expectativa de que ela o olhe, ou até mesmo de que ele consiga dizer seus sentimentos, mas algo sempre o atrapalha. Rachel que mora com o pai, o irmão e a mãe doente (cega e de cama) é tratada como muitas mulheres são nessas vilas, o que pra mim é um ponto positivo no filme que mostra um pouco da cultura. Ela quem cuida da casa, da mãe, da comida… Enquanto o irmão vai em busca do sustento: Caranguejos. E é ai que o filme começa…

O irmão, já no mangue, encontra um corpo morto e leva um susto. Com o susto cai de cara nas ostras e, após algum tempo ferido, vai parar na casa de Luiz. Ao chegar muito ferido no local o pai de Luiz (que também trata o filho de uma maneira… Abusada) da uma ordem para que ele não deixe o homem morrer o que o rapaz não consegue evitar… Para seu desespero homem que acabou de morrer na sua frente volta a vida e tenta ataca-lo.

A pedido do pai, Rachel vai em busca do irmão e o encontra morto na casa de seu admirador(que está com uma arma e coberto de sangue). Ela o acusa de assassinato enquanto o homem tenta se explicar. Nesse tempo, toda a população local (que parecia não existir) volta a vida e ataca o casal que por puco consegue fugir do barraco que estão.
A moça é mordida e, mais uma vez, o homem a salva (com a ajuda de uma generosa senhora que eu acredito que muito de vocês vão se lembrar de suas avós. Uma ótima interpretação. Pra mim, a melhor do filme).

O filme, como muitos, se resume em Luiz tentando chegar a um lugar seguro com Rachel e então evitar a maldição que se espalhou pela vila. O bom do material é que, além de tudo, tem algumas tiradas engraçadas, algumas passagens tristes, algumas cenas de romance e, para alegria do mundo, muito muito sangue. O ruim do filme é que o diretor não conseguiu passar essas emoções o que deixa o longa meio travado. Na minha opinião faltou um pouquinho mais de história e um pouco mais do uso da trilha sonora. Apesar da que a que é usada no filme é ótima.

Obvio, não revelarei o final. Mas acreditem em mim: Apesar do filme ser um pouco parado demais e sem muitas emoções fiquei muito surpresa é realmente bom e, infelizmente, esse tipo de filme muitas vezes não é apresentado ao público. A história, o contexto, a vida, o sangue exagerado, os atores… Tudo é muito bom. Muito melhor que esses filmes da globo que inventam um Brasil que eu nunca visitei (Beijo Didi, Beijo Xuxa)

A  história não muda em comparação a filmes desse tipo: Um casal tentando sobreviver (o mocinho tentando salvar a mocinha, a mocinha fazendo merda, um cara que sobrevive além deles e depois da a vida pelo casal, uma senhora velha zumbi…)

O filme não mostra muito bem como as transformações começaram, mas o diretor deu um ar de Brasil no filme. Isso é muito bem representado por ostras assassinas e, por exemplo, de uma salvação ser veneno de baiacu. Sei que muitos vão reclamar desses fatos, mas, para mim, isso da uma identidade ao filme não o fazendo ser uma copia completa dos Estados Unidos.

Apesar de muito preconceito por parte do público brasileiro (e com certeza haverá alguma critica) o filme me lembrou muito ” A Volta dos Mortos Vivos” seja pela aparência dos zumbis no filmes ou até mesmo pela quantidade de sangue que existe em exagero. E, se querem minha opinião, achei o filme capixaba melhor do que muito filme hollywoodiano de zumbis que tem por ai.
Bem, não estou dizendo que é melhor filme do mundo de zumbis, mas (e aqui vai um comentário um tanto quanto realista e preconceituoso) em comparação a outros filmes nacionais esse é um dos melhores.

Deixarei o filme aqui direto do youtube; Recomendo que assistam, não é um filme BIZARRO (bom, pelo menos se você tirar a parte das ostras assassinas, não é)

Deixarei aqui algumas curiosidades a respeito do filme:

– O diretor fez uso de animatronics (animação com recursos mecânicos) na produção;

– O orçamento estimado foi de R$ 50 mil;

– Fez parte da seleção oficial do Festival Sci Fi de Londres.

 

Ganhou prêmio como:

BUENOS AIRES ROJO SANGRE (Argentina) para:

Melhor Filme – Júri Popular
Melhor Diretor Estreante
Melhores Efeitos Especiais

 

Mega Bizarro
loading...

Comentários!

Atenção: os comentários desse site são via Facebook e sequer fica arquivado em nossos servidores. Então tudo o que você escrever aí em baixo é de inteira e completa responsabilidade sua. Tome cuidado, Goku e as autoridades estão de olho, ok?!

44 Comentários nesse post. Comente!

  1. Bom, sempre tive essa opinião : Brasileiros só sabem fazer novela!
    Mas pelas fotos parece ser super legal, dps vou ver o filme com mais calma.

    Ana Karina / Responder
  2. Esse filme é ótimo assisti cinco vezes agora deu vontade de ver de novo.

    jonatan / Responder
    • “…má que porra é essa?!?” … … … “…AAAHHHr!!!!” – e o cara cai do barco… RAAhchei com o susto do zumbi!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkk

      kk / (in reply to jonatan) Responder
      • E os dois entram no banheiro e a mulher diz: “Eca! Que nojo!!!” E o cara “-Não fui eu não… foi meu irmão!” kkkkkkkkkkkkk

        kk / (in reply to kk) Responder
  3. cudocamelo, tem um filme muito estranho q vcs podiam fazer uma materia, ele se chama bad biology

    rafael crema / Responder
  4. Pra quem gosta de filme de terror, esse filme é ótimo!! É o cenário nacional mostrando seu potencial! Parabéns a equipe!!

    Bia / Responder
  5. Caralho.. esse filme tem atores melhores que os da globo… o velho do começo do filme… porra cara… curti… agora vou terminar de assistir.

    Xinelo / Responder
  6. As maquiagens estão legais.

    Ricardo / Responder
  7. Mais um belo post. Parabéns.
    Cudocamelo, acho que já vi todos os filmes bizarros existentes na internet..
    Um massa que vc poderia por eh martyr, grotesque ou chop..

    Duane / Responder
    • Martyrs está na lista, mas como eu achei um filme um pouco pensativo eu preciso de um pouco mais de tempo ): Mas com certeza irei fazer desse filme :D

      cudocamelo / (in reply to Duane) Responder
  8. Até que enfim um filme brasileiro sem se passar em favela, sem bandido, sem drogas, sem abusar de palavrões pra ganhar audiência de gente retardada… Muito bom!

    Ricardo / Responder
  9. Só 50 mil??? Quanto foi o cachê dos atores? 1 mil pra cada?
    Acho que só pra fazer o sangue já foi um terço disso.
    Ótimo post, ótimo site. Gosto de viajar por esse site.
    O cenário do filme ficou muito bom, parece aqueles pesadelos que a gente tem.
    Parabéns pelo post cudocamelo, vc como o pessoal daí são show de bola.
    Até mais

    Wal / Responder
  10. Porraa filme nacional assim é raríssimo, como eu gosto de filme zumbis, vou ver agora mesmo o/

    Cu, depois da uma olhada no “Waking Life” de Richard Linklater. Sem duvidas merece um post aqui no blog, a galera vai curtir hehe

    Michel / Responder
  11. tem muitos filmes bacanas: vagina dentada, bitten, martyrs…

    beatriz / Responder
  12. uma vez baixei esse filme, muito tosco mesmo kkkkk

    renatinha / Responder
  13. Aquela menina com a boneca já é feia por natureza não precisava de maquiagem.

    jonatan / Responder
  14. Cudocamelo,tem um filme que é meio famoso,mas é meio bizarrinho,chama-se Turistas.Ele se passa no Brasil,e como sempre,mostra uma realidade meio diferente aos estrangeiros.Ele fala de um homem que faz tráfico de órgãos,e na primeira vez que eu assisti,eu estava comendo,bem na hora em que mostrou a parte dos corpos sendo abertos,e como eu era pequeno(7 anos),quase morri de tanto “passar mal´´…o diferente dos outros filmes que você postou(como Centopeia Humana),é que o enredo dele tem sentido,e até é legalzinho pelo suspense em algumas cenas :)

    Guedes / Responder
    • Já vi esse filme :D É bem divertido e, diga-se de passagem, preconceituoso! Mas anotarei o seu pedido :) Obrigada pelo comentário.

      cudocamelo / (in reply to Guedes) Responder
  15. Aí cudocamelo, o filme é show de bola…

    QUER FILME BIZARRO???

    Fale sobre PINK FLAMINGOS ou PROBLEMAS FEMININOS…

    BIZARRO é pouco pra esses dois filmes aí kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    flavio d silva / Responder
  16. Moro em Vila Velha, fica ao lado de Guarapari e de Vitória (capital do ES para os espertos).
    Tive um professor de Geografia que participou desse filme! Ele contou pra gente que o diretor se reúne com amigos para fazer filmes e assim não há cachê para os atores.
    Tem um de horror que conta uma história com chupa cabra, se passa no interior de Alfredo Chaves, não me recordo o nome, mas essas produções locais e de baixo orçamento aparecem cada vez mais nos telejornais locais e ficam mais visados para o público.
    Nego falando que o filme é tosco, mas com um orçamento desse não é fácil não. Ainda mais se descobrissem o quão caro custam essas maquiagens. Participei de um teatro uma vez e lembro-me bem que a gente tinha que ficar com um papel limpando o suor pra não gastar muito da maquiagem.

    Rafael / Responder
  17. Watership Down muito bom esse filme

    Rabanada / Responder
  18. Huahuahua, cudo disse q o filme dessa semana iria ser da Xuxa e eu acreditei….vou ver o firme vlw pela dica…

    Drigo / Responder
  19. Como é bom ser do Espirito Santo

    Miguel / Responder
  20. Dá uma olhada nesse filme aqui: CANNIBAL FEROX
    Dizem que é o filme italiano sobre canibalismo mais polêmico, e que foi tão bizarro que encerrou as produções de filmes desse tipo na época.

    ana / Responder
    • Ana o filme Cannibal Ferox pote ter sido polêmico na época que foi lançado: década de 70. Ou seja, muitos e muitos anos atrás.
      Claro que para época com certeza causou polêmica.
      O mais engraçado desse filme não é o canibalismo tosco que é mostrado em algumas cenas, mas sim o que os produtores do filme pensavam na época sobre os Países da América do Sul.
      Principalmente o Brasil e o Paraguai.
      Tinham uma tendência em achar que por aqui só tinha Índio e por isso o canibalismo no filme rola solto aqui na floresta amazônica nas filmagens imbecis que aparecem no filme.

      Você lembra daquele filme que foi tão criticado na época por tratar o Brasil como um país fudido??
      O filme que pergunto é o “Turistas”. Sim esse mesmo filme que foi filmado no Brasil causou grande ti ti ti porque tratou de certa forma o País como uma carroça desgovernada ( e é verdade mesmo com tanto político safado).

      Pois bem, esse filme tosco “Cannibal Ferox” fez a mesma coisa a quase 40 anos atrás.

      Abraços,

      Olho de Doido

  21. cara assisti o começo e me perece um filme muito bom vlw pela dica Brazil zil !!!

    Rafaell / Responder
  22. Para quem deseja baixar o filme “Mangue Negro em torrent com qualidade de audio e vídeo nota 10, segue o link:

    http://torrents.thepiratebay.sx/6913776/Mangue_Negro.6913776.TPB.torrent

    Aproveitem,

    Att, Olho de Doido

    Olho de Doido / Responder
  23. Cudocamelo, não achei seu email para enviar então mandarei por aqui mesmo. Tem um filme chamado “Man behind the sun”, ele é um filme sobre a segunda guerra mundial, mas não o que a gente normalmente vê (nazismo, alemanha, hitler…). Ele fala sobre as merdas que os japoneses fizeram com os chineses, que, segundo meu professor de história, foram bem mais putaqueparíveis do que o que fizeram com os judeus. O filme mostra as torturas explicitamente, é bem forte. Um vídeo dele: http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=blI1CLco4W4

    mayra / Responder
  24. Gostei muito dessa série de filmes bizarros, várias pérolas cinematográficas. Sugiro à quem curte uns filmes bizarros assistir Begotten de 1990 um clássico dos filmes perturbadores e bizarros, não que seja um a brastemp de perturbação mas é bem bizarro.

    Mateus Madovan / Responder
  25. Adorei essa série de filmes bizarros, várias pérolas do cinema bizarro inclusas. Pra quem curte filmes assim recomendo que assistam Begotten de 1990 é um dos filmes mais bizarros e perturbadore que já vi na minha vida, não que seja uma brastemp de perturbação mas é bem bizarrinho o filme.

    Mateus Madovan / Responder
  26. Desconsidere um dos meus comentários acima, o primeiro tinha dado erro e do nada ele me aparece quando eu comento o segundo, esses comentários marotos que ficam se escondendo. ¬¬

    Mateus Madovan / Responder
  27. hahahah me desculpem mas eu vi esse filme e ele tá mais pra comédia do que terror !!!!1 os personagens são muito engraçados e de assustador esse filme não tem nada!

    bruna / Responder
  28. O filme é muito bom mesmo, apesar de, como disse a Cudo, muito parado. Também não curti a trilha sonora… Muito berimbau, berimbau demaaais, por mais que seja pra dar um ar de brasileirice no filme, eu não acho que combine com o tema, mas enfim, minha opinião. Os zumbis são fantásticos, e o excesso de gore também, mas a estrela com certeza é a personagem D. Benedita. Eu gosto bastante desse tipo de filme mas sempre fico desanimada porque normalmente os atores são ruins, sai aquela coisa meio forçada sabe, mas até que em Mangue Negro não é tanto assim, deixa um só pouco a desejar. Também não tem aquela pegada trash de que “é terror, mas é mais pra fazer rir” (eu detesto isso) tem umas tiradas engraçadas, umas piadinhas, mas o núcleo mesmo é terror, pra dar medo e assustar… Gostei muito, o cinema nacional poderia fazer mais filmes assim.

    Mandy / Responder