Mitos e Lendas – Chupa Cabras

Opa, você que está se sentindo seboso após um longo dia de trabalho queridos leitores! Depois do post sobre o Livro de São Cipriano, decidi me dar umas férias… Mas agora, estou de volta. E é com prazer que, no Mitos e Lendas de hoje, falaremos sobre tão conhecido e tão pedido Chupa Cabras.

O Chupa Cabras é um tipo de criatura muito estranha e na maioria das vezes, não identificada. Não se sabe de que animal se trata quando se fala neste ser. Muitos afirmam, inclusive, tratar-se de um ser não originário do planeta terra.

chupacabraA lenda tomou grande proporção nos anos 90, pela aparição de vários animais mortos. Esses animais apareceram, principalmente, em Porto Rico, Nicarágua, Flórida, e em algumas regiões do México e do Brasil.  O nome chupa cabra é derivado de Porto Rico, país que registrou os primeiros casos de cabras que apareciam mortas, sem sangue. O detalhe é que essas cabras não apareceram sem partes do corpo ou somente com sua ossada, elas apenas apareceram com marcas de dentadas no pescoço e sem sangue, que teria sido totalmente drenado.

Ele foi avistado por muitas pessoas ao longo das últimas décadas em vários países, principalmente no continente Americano. A criatura é, geralmente, descrita como tendo 1,5 metro de altura, pele estranha que lembra a de um lagarto e com tom esverdeado ou marrom. Algumas pessoas que afirmam terem avistado a criatura nos Estados Unidos da América dizem que ela também possuía pelos.

Um estabelecimento nos EUA chamado Capa County, no Texas, afirma possuir dois exemplares da criatura que foram abatidas a tiros. Muitos acreditam que tudo isso não passa de apenas uma lenda folclórica, feita para assustar crianças mal educadas.

Capa County afirma que a criatura exposta foi abatida no dia 7 de julho do ano passado (2012). Ela possui aparência bizarra, mas sua condição no ato da morte era inofensiva. O responsável pelo abate da criatura teria sido um policial da cidade de Cresson.

chupa-cabra-2

0119_chupacabra_exam3O oficial Johnny Collins afirmou a jornais locais, que estava andando por povoados afastados, próximos de riachos, quando viu a criatura magra, com pele amarronzada, próxima a um celeiro.

 “Ele veio em minha direção. Ele rosnou e saltou, como uma espécie de canguru parecido com ratazana. Eu nunca vi nada parecido em toda a minha vida”, declarou Collins.

O cadáver foi levado para uma clínica veterinária. Um dos médicos de plantão encontrou vários ácaros na pele, mesmo após a morte do animal. Os ácaros são conhecidos por provocarem, em algumas espécies, sarna, mas este animal não tinha nenhum problema quanto a isso. Ele possuía parasitas internos. Estava extremamente magro e teria morrido de fome se não fosse baleado.

Já no Brasil, a famosa criatura ganhou notoriedade em diversos programas de TV que exibiam entrevistas com pessoas que afirmavam terem visto a criatura, bem como encontrado cabras, porcos, patos, galinhas e diversos outros animais sem nenhuma gota de sangue, com apenas 2 furos, geralmente no pescoço. O primeiro ataque relatado aqui, ocorreu em março de 1995 no Jabaquara. Boatos correram de que se tratava do Auxiliar de Promotoria Silvio de Aquino, que atacava em suas andanças pelo Parque do Estado. Neste ataque, oito cabras foram encontradas mortas, cada um com três perfurações no tórax e totalmente esvaídas de sangue. Primeiramente, pensou-se que esses atos vinham de cultos satânicos; Posteriormente apareceram, também, mais mortes na ilha, onde os fazendeiros encontraram seus animais sem nenhum pingo de sangue. Existem também relatos de ataques a humanos no Brasil como em Ribeirão Branco e em todos os países que cabras foram mortas.

Para quem pensa que a lenda é nova, os primeiro rumores surgiram na década de 50, mas ganhou notoriedade nos anos 90, chegando a ser mais comentado no mundo do que o famoso monstro do Lago Ness.

Apesar de todas as ‘provas’ testemunhais, animais mortos encontrados sem sangue e evidências que, muitas vezes são bastante contundentes, não existem provas suficientes que mostrem a sua real existência.

Aqui, algumas imagens de supostos chupa cabras, e de como eles seriam:

CCV

FT3

DCB9C

Chupa-Cabrass

chupacabras-real-971032

chupacabras-desenho-1995

chupa-cabras1-300x264

chupacabras_grotta_thumb

chupa-cabra-2 chupa-cabra-1

   chupa-cabra

chupa cabras

chupa cabras 2

180px-Chupacabras

Dewitt_chupacabra

Encontrei alguns vídeo de documentários sobre a suposta criatura.

SBT Repórter: O Chupa Cabras

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

Documentário do Nat Geo, dividido em 4 partes (Infelizmente, só tem postado as 3 primeiras):

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI, AQUI e AQUI.

Filmes acerca do assunto:

A Criatura

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

E eu ainda consegui achar uma produção independente:

A Noite dos Chupa Cabras

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

Sabe que eu gostei desse último? Estão de parabéns. Não é nada fácil criar uma produção independente.

Queria mais uma dar os parabéns ao, agora meu amigo, Fábio Ribeiro do Ahsefordeu! Dessa vez, matando nossa saudade dos Mamonas Assassinas. Diz ele, que futuramente, estarei participando de alguns de seus trabalhos. :)

Usuário Android, iOS ou Windows Phone clique AQUI.

Fábio, como em todos os outros vídeos, você conseguiu me deixar arrepiado. Parabéns pelo dom, e acima de tudo, pela criatividade. É com imenso prazer que divulgo seu trabalho.

No mais, sem mais. Pedidos e sugestões no [email protected] ou no Facebook.

Até a próxima. Beijo na bunda! :P

Mega Bizarro

Sobre Peu

Ver todos os posts desse autor

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco. "Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral. SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também. Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte. Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

loading...

Comentários!

Atenção: os comentários desse site são via Facebook e sequer fica arquivado em nossos servidores. Então tudo o que você escrever aí em baixo é de inteira e completa responsabilidade sua. Tome cuidado, Goku e as autoridades estão de olho, ok?!

73 Comentários nesse post. Comente!

  1. Cabuloso demais! As histórias mitológicas sempre surpreendem a nossa imaginação, além de mexer com a nossa sensação sobre a realidade.

    andredoido / Responder
  2. Muito interessante, vcs acham cada coisa !

    Marciano / Responder
    • Esse, foi atendendo a pedidos de vários leitores. :)

      • Peu, passou no discovery channel no quadro MISTÉRIOS com Emilio Cortez ontem antes de ontem falando do possível chupa cabra, a ultima foto que vc postou, parece ser uma nova RAÇA de mamífero fazendo isso ou subespécie, dis que no Texas EUA, que esta acontecendo os últimos relatos do aparecimento, procure saber, achei super interessante !!! Até mais BRÇS!

        Flavio / (in reply to Peu) Responder
    • Concordo

      celso / (in reply to Marciano) Responder
  3. Mais um belo post seu Peu… meu brother….. aqui na cidade digamos que não se trata do verdadeiro Chupa Cabras porém… posso dizer que temos UMAS “Chupas Chupas” tbm…

    São feias de dar vontade de arrancar os olhos mas fazem os seus “serviços” como profissas…

    ^^)

    PS: só os fortes endenderão !!!

    Kenshin Himura / Responder
  4. Post maneiro, só queria a 4 pt do documentario :(

    Maiconz / Responder
  5. Muito interessante o post,brow!!!tem como fazer mais posts desse tipo,tipo,de criaturas meio que tipo, não catalogadas pela ciência???????

    Hans Alfred Vom Friedenreich / Responder
  6. Olá Peu,td bem? Onde foi parar aquele post do bullying contra o menino, postando recentemente? Procurei mais não achei! Parabens pelos otimos posts de sempre! BjoO

    Danizinha / Responder
    • Por coincidência, estive na “lixeira” hoje, e o vi por lá… Com certeza, deve ter dado problema, e o DraftL se viu obrigado a retirar.

  7. Post excelente mestre PEU. Esse tipo de post desperta muito a curiosidade e a imaginação.

    Gostaria de comentar aqui também sobre o post do livro de São Cipriano, já que demorei a ler e quando ví já tinha mais de trezentos comentários.
    O post foi realmente muito bem elaborado, e feito de forma que informa e desperta a curiosidade, e gostaria de reforçar ainda mais os avisos que vc deu no post, NÃO LEIAM O LIVRO, mesmo que apenas por curiosidade, digo isso pois já tive pessoas da minha família que tiveram esse livro em casa e, acreditando ou não, ele traz maldições e desgraças para quem o lê e principalmente para quem pratica o que está lá. E essas coisas aparecem mais cedo ou mais tarde dependendo do que vc deseja, quanto pior o que vc deseja, especialmente desgraças para outras, mais rápida e impiedosa será a sua. Eu tenho como exemplo uma tia, que recebeu este livro de herança de um tio avô meu, com o qual ela foi criada, e de tanto desejar e fazer coisas ruins aos outros, inclusive alguns tios meus, e meus avós entre outros parentes, lhe foram tirados(mortos) os dois únicos filhos e os movimentos das pernas em um acidente de carro. A minha tia avó, que a criou e apresentou-lhe o livro, e segundo todos da minha família diziam que o que ela tinha de linda, pois nunca vi nenhuma foto dela, ela tinha de maldade, morreu com tumores espalhados por todo o corpo. tenho outros exemplos, porém não quero tomar muito mais tempo que já tomei.
    Gostaria apenas de reforçar. “NÃO LEIAM O LIVRO DE SÃO CIPRIANO”, leiam a BÍBLIA, se não desejam lê-la, então leiam outros livros, vão ao cinema, saiam com suas famílias ou vão para as baladas, mas “NÃO LEIAM O LIVRO DE SÃO CIPRIANO”.

    Valeu mestre PEU, um super abraço.

    DEUS abençoe a todos.

    Deusimar Barbosa / Responder
    • Valeu, Deusimar. Abraço, e que Deus te abençoe também. Sugiro que você cole este comentário lá no próprio post também, pois nem todo mundo que leu e comentou (Quem comenta, sempre volta para ler os demais comentários) vai ler este aqui.

  8. Interessante o post…mais interessante ainda é o fato de ninguem ter feito esforço pra filmar essa criatura atacando um animal, apenas relatos e relatos.

    RicardO / Responder
  9. Mamonas *-*
    Ótimo post Peu!

    Regina Costa / Responder
  10. Ótimo post Peu,mas o texto ficou meio confuso na parte final,ficou repetido.
    Na foto 4(de cima para baixo) parece muito com uma pessoa.

    Angelo / Responder
    • Poxa, cara! Peço perdões pelo texto, pois o fiz de saída para o plantão. Atrasei e tudo… Estava pensando inclusive em me desculpar no final por possível erros, ou falta de clareza, como você falou. Perdão mesmo.

      Peu / (in reply to Angelo) Responder
  11. Me lembro bem quando a lenda começou a florescer na televisão. Eu tinha um medo lazarento dessa parada. Muito bom o post. Traz mais posts com lendas populares! Abraço, maluco.

    Murilo / Responder
    • Esse já é o terceiro post da série, Murilo.

      Peu / (in reply to Murilo) Responder
      • ahuahuahu siiim, eu digo, traz mais no sentido de não parar! hehe, qual filme sobre lobisomem você acha melhor mano? (Aproveitando o post sobre os Lobisomens…)

        Murilo / (in reply to Peu) Responder
        • O que eu gosto mais é “O Lobisomem Americano em Londres”… E também “O Lobisomem”, que acredito ser o mais recente sobre o assunto.

          Peu / (in reply to Murilo) Responder
          • Boa! vou dar uma olhada nesses. vlw! :D

            Murilo / (in reply to Peu)
  12. Ah! um Chupa Tacas, isso ae e velho nao existe, fotos de um cachorro do mato.

    matazeta / Responder
  13. Parabéns Peu!
    muito bom, me lembro que quando rolava essa onde matança de animais, e coisas do tipo, eu ra bem pequeno e tinha muito medo do tal do chupa cabras.
    POAKpoKAPOkPOAK

    Mas me diz, analisando alguns fatos, disseram que a tal criatura tinha 1,5 metros, e pele parecida com um lagarto, fora que drenava o sangue das vitimas e também fazia três furos, analisando isso mais a fundo, não poderiam ser “sinais” de uma possível abdução? ou de repente de um possível contato extra-terrestre? vai saber, como disse a própria matéria, não tem indícios de que esse “ser” realmente existiu.

    SIC / Responder
    • Muitas fontes afirmavam que o ser realmente não era desse mundo. Mas, como não existem provas inclusive se eles realmente existem ou não, é mais difícil ainda saber de onde eles vem. Abraço, Sic.

      Peu / (in reply to SIC) Responder
    • Discordo dessa parte do texto. Indícios é o que não faltam. Porra, se uma caralhada de animais mortos na mesma época de maneira bizarra e extremamente incomum não são indícios, então não sei o que é. Vai ver era o vento que fazia os buracos na pele deles e extraía todo sangue, e alguns órgãos aleatórios de vez em quando, hahaha. Não existe indício pra nenhum ser especifico, mas existem indícios pra um ser não identificado, isso é obvio.
      Quanto a teoria de que fosse um ser extraterrestre, eu acho interessante. Parece uma coleta de material. Extração de sangue e de órgãos, e nunca o “predador” se alimentava da carne da vitima. Não fizeram ou pouco fizeram com humanos porque sabe que aí o bagulho ia ficar loco pro lado deles, hauahaua.

      Urubu Rei / (in reply to SIC) Responder
  14. Muito bom post Wanderlei Silva, vlws..

    Jarbson / Responder
  15. Quando eu era pequeno morria de medo dessa porra… haha

    tom :) / Responder
  16. Muito bom post!!!

    Eu morria de medo do chupacabra quando era criança… Eu lembro que passava muitos casos de chupacabra no programa do ratinho
    aushuashahushas

    Primeiramente, pensou-se que esses atos vinham de cultos satânicos; Posteriormente apareceram, também, mais mortes na ilha, onde os fazendeiros encontraram seus animais sem nenhum pingo de sangue. Existem também relatos de ataques a humanos no Brasil como em Ribeirão Branco e em todos os países que cabras foram mortas.

    Primeiramente, pensou-se que esses atos vinham de cultos satânicos; Posteriormente apareceram, também, mais mortes na ilha, onde os fazendeiros encontraram seus animais sem nenhum pingo de sangue.

    Existem também relatos de ataques a humanos no Brasil como em Ribeirão Branco e em todos os países que cabras foram mortas

    Frases repetidas!

    Mayara / Responder
  17. Dos mitos e lendas, o único que acredito é no ET Bilu, esse sim é verdadeiro. Busquem conhecimento!

    pedro paulo / Responder
  18. Ai ai, junto com o caso Varginha essa merda ai foi um grande trauma de infância, aff

    zzzzzzzzzz / Responder
  19. Excelentes post Peu! Ótima compilação do famoso “El Chupacabras”!

    Estão acontecendo diversas mutações de animais comuns, por todo o globo, que se tornam únicos no seu meio ambiente com características específicas! Nesse caso o animal se alimenta de sangue!
    É possível que ele exista sim, só ainda não o conhecemos pessoalmente porque o bichinho é “tímido”!

    … com um uivo animalesco e chupando sangue com esses dentinhos de Drácula, seria perfeito como animal de estimação da fazenda! Tou imaginando um desses com uma corrente ao pescoço e uma coleira pontuda com o nome “Diabo dos Infernos”!

    Continuo seguindo o Mitos e Lendas!

    Boa escolha musical … Saudade de Mamonas Assassinas!

    Saudações do outro lado do Atlântico para todos vocês!

    Angelu Miguel de Portugal / Responder
  20. Quando eu era pequena, tipo uns 8 anos tinha medo do chupa cabra.

    Ana Karina / Responder
  21. Que bicho estranho, parece um quati mutante, sem pelos.
    Ótimo post, muito interessante.
    Em casa vou ver os filmes, aqui no trabalho não dá.

    Iroha / Responder
  22. Opa. legal.
    Eu li um texto uma vez muito esclarecedor sobre tudo isso. O texto era enorme e era de um site de ufologia. Mas não encontrei mais. Uma pena. Mas se encontrar posto o link aqui.
    Sei que nos anos 90 quando esse assunto virou febre no Brasil, equipes de ufólogos acompanharam toda investigação e, na medida do possível, fizeram as deles por conta própria. Na noite que os ataques do chupa-cabra ocorriam, a policia e eles mesmos recebiam várias ligações relatando também avistamento de OVNI’s, nas mesmíssimas regiões. Ou após muitos relatos de OVNIS, no dia seguinte eram verificado os ataques nos animais.
    Tenho pra mim que a policia, a mídia e o governo fizeram de tudo pra esconder a verdade ou pelo menos informações mais concretas sobre o caso. Não eram poucos jornais da época que ridicularizavam o assunto, sendo que se tratava de coisa séria, e não de mais uma historinha pra boi dormir, como eles queriam vender a ideia. A “investigações” feitas levaram conclusões inaceitáveis. Chegaram a dizer que se tratava apenas de uma raposa ou um felídeo que não me lembro o qual, quando as evidências apontavam o contrário.
    E os documentários são/eram quase todos ridículos, inclusive esse da Nat Geo, onde focaram (Ou desviaram, né) a atenção, de forma extremamente sensacionalista, pra um animal que claramente era apenas mais uma espécie de canídeo, uma espécie de coiote sem pelos e com focinho mais longo, o que podia perfeitamente ser um híbrido ou uma “nova” espécie. Tudo bem, mas não havia evidência nenhuma de que aquele era o animal responsável pelos ataques, tampouco suas características podiam ser compatíveis com os mesmos, a não ser que ele fosse um absurdamente incomum canídeo sugador de sangue e voasse, por exemplo (Sim, em vários casos as investigações mais minuciosas apontaram que não havia pegada nem rastro nenhum de qualquer predador). “Investigaram” o animal do começo ao fim do documentário, como se ele fosse de fato o causador dos ataques, e no final “concluíram” que se tratava provavelmente apenas de uma canídeo sarnento ou coisa parecida. Pronto, o caso do chupa-cabra estava solucionado, hahaha. Ridículo demais, vergonhoso.
    Enfim, é um caso que na verdade nunca foi solucionado (Pelo menos até onde nós, populares, sabemos) e acontece até hoje, inclusive aqui Brasil, só que com bem menos frequência e repercussão.
    Valeu Peu! Muito boa essa série, e tem muitas lendas e mitos por aí, hein? Mantenha o nível dela, tá bom demais. Nada de postar sobre a loira do banheiro porque já comi e tenho ciumes.

    Urubu Rei / Responder
    • Ô, se tem! Dá trabalho escolher a de cada semana!
      Hahahahahaha! Pior que tem que postar sobre tudo, cara. Mas pode deixar, que sua loirinha, eu deixarei quieta. ;)

  23. Meu Deus essa porra existe mesmo O.o

    Hum seria um bom cão de guarda!!
    Acho que vou atrás de um ahahahahha

    Caio / Responder
  24. Nno nordeste brasileiro chupa cabras também é conhecido como baitola

    Fulano De Tal / Responder
  25. E quanto ao filme “A criatura” é a primeira vez que vejo o cara negro do filme ser o sobrevivente e não o primeiro a se fufu.

    Fulano De Tal / Responder
  26. Ótimo post! Realmente! Ah, a quarta imagem, está confirmado que era só um gambá em decomposição

    Caio César / Responder
  27. sobre as imagens, foram desvendadas.
    pesquisar no e-farsas.

    Loiro / Responder
  28. AS três primeiras fotos são de um GAMBÀ!O resto é só PIADA!KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK=DD.

    DOIDEIRA / Responder
  29. Maravilha. Mais um excelente post pra começar (ou terminar) a noite.
    Aproveitando a deixa sobre posts mitológicos, gostaria de sugerir alguns mitos: Maremonda (ou madremonte), kelpie, selkie, o Demônio de Jersey (da linha de aparições por aí), a besta de Gévaudan (idem). Desconsidere se já existirem posts sobre algum(ns) dos temas. Já li tanto em tantos lugares que a memória me falta às vezes.
    Abraços e boa noite.

    Daiane / Responder
    • Opa! Obrigado pela dica, Daiane! Pesquisarei sobre eles sim! :D
      Abração, e boa noite pra você também.

      Peu / (in reply to Daiane) Responder
  30. O melhor foi relembrar dos mamonas

    Diego / Responder
  31. Décima terceira imagem = CS_Rio

    Stiner / Responder
  32. Tem um episódio do arquivo X sobre o chupacabras. Eu só lembro que era meio tosco.

    some1 / Responder
  33. Eu ainda era criança na época da grande repercussão do caso,mas me lembro vagamente ……..Inclusive morria de medo .kkkkkk!

    Juliana Miranda / Responder
  34. AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH NÃO ACREDITO!!!!!! TO ”P” DA VIDA PORQUE Ñ CONSEGUI VER O DOCUMENTARIO DA NATGEO 4/4 AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH TAVA TÃO MASSA!!!! AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH

    Eduardo / Responder
  35. Bem dei uma olhada rapida as internets, tem esse video aqui http://www.youtube.com/watch?v=zWTsiDm_vek que é referente aos videos natgeo, mas este do link esta em espanhol e aparentemente é inteiro.. Post muito fera! eu sempre curti essa etoria de chupacabras, cresci vendo algumas coisas dele na tv

    doch / Responder
  36. poderiam postar algo sobre o caso varginha, ta meio esquecido essa bagaça,

    ZZZZZZZZZZZZ / Responder
  37. A noite dos chupa cabra já é o segundo filme do meu estado da sai aqui ! hahah o primeiro foi mangue negro, ótimo post !!

    Victor / Responder
  38. Interessante, mas ele existe sim, é o que anda agachado e tem espinhos saindo das costas, a FAB ja capturou alguns.

    hay / Responder
  39. Até hoje lembro de uma “visão” minha (ou foi apenas um pesadelo que depois veio como um flashback) quando tinha uns 4/5 anos de idade, em que via um chupacabra parado uns 2 metros de distancia, essa visão nunca mais saiu da minha cabeça e sempre que citam o nome dele eu lembro disso, até arrepia velho.. ;s

    Michel / Responder
  40. Muito interessante! Pela descrição do cara que matou um e pelas fotos, eu diria que o Chupa Cabras poderia ser um marsupial, parente do gambá… Supondo que ele exista, claro.

    Eric / Responder
  41. Quando era criança via essas reportagens sobre o chupa-cabras no domingo legal e ME BORRAVA DE MEDO, mal dormia ou andava pela casa à noite.
    Tinha também um filme que eu sempre via na locadora e me borrava, mas nunca mais achei depois pra baixar, você podia ter descoberto esse filme e postado aqui, hein Peu?
    Sou MUITO fã do site, mas é a primeira vez que comento aqui (juro que comentarei mais vezes).
    Adoro seus posts, man!
    :*

    Erika / Responder
    • Descobrir como? UHauhauhauhauhauha. Erika, que bom que você resolveu comentar. Por favor, não perca esse hábito. Os comentários de cada um de vocês são muito importantes para nós. :)
      Beijo, moça.

      Peu / (in reply to Erika) Responder
  42. eu tenho ate hj kkkkkkkkkkkk

    Daniele / Responder