,

Cirurgia de remoção das amígdalas em uma criança sem anestesia

A retirada das amídalas tornou comum a partir da década de 1970, como método corriqueiro para eliminar dores de garganta constantes.
Os pais acreditavam que a retirada das amídalas era a cura absoluta para a dor de garganta das crianças. Mas, como isso não é verdade, o processo levou à descrença dos pediatras e as pessoas deixaram de procurar esse tipo de procedimento.O número dessas cirurgias, no entanto, caiu drasticamente nos últimos anos, acabando com aquela história que as amídalas não servem para nada e que a cirurgia é super simples e segura. Hoje em dia, as infecções são tratadas com relativa facilidade pelos antibióticos e ninguém pensa numa cirurgia como alternativa para reverter crises de garganta.

Vídeo:
Ainda bem que a medicina evoluiu bastante e práticas desse tipo foram abolidas.

Written by Lucas Augusto

Mineiro de Juiz de Fora, 24 anos, estudante e adora uma boa música eletrônica. Mandem conteúdos através do email : [email protected]

Comentários