,

Japanese Fish Ass (+18)

E aew, pentelhos ruivos numa moça de cabelos pretos galerinha do meu Brasil! Tudo na paz? Quem me acompanha no Facebook, sabe o motivo de minha ausência, né? Rsrsrsrsrs.

 O vídeo de hoje é, como das outras vezes, um daqueles que eu viveria 2 ou 3 vezes, morreria, reencarnaria e a porra toda, e ainda assim, esta merda não me passaria pela cabeça. ¬¬

Hoje, é uma japinha toda simpática, enfiando mais coisas Quem não, eu explico agora: Desde segunda feira, estou enfrentando problemas de conexão por causa de um erro da OI, assim como também estou sem telefones fixo, e móvel desta mesma operadora. Me pediram 48 horas para resolver, e até agora, nada. Todos os dias, ligo pra lá, e a conversa é uma só: Que eu aguarde, que me retornarão. E assim estou fazendo, até ficar de saco cheio e mandar eles enfiarem o combo deles no olho do cu. Mas vamos lá, estou num cyber café, próximo a minha casa (Que eu nem sabia que tinha), mas não podia ficar sem postar pra vocês. O vídeo, é de mais uma japonesa enfiando coisas inusitadas no rabo.

Usuário Android ou iOS clique AQUI.

 Desde já, agradeço a minha irmãzinha CudoCamelo pela força, já que a pedido meu, salvou minha vida upando o vídeo acima pra mim. Agradeço também, a compreensão de todos.

Sugestões no [email protected] ou no Facebook.

Até a próxima. Beijo na bunda! :P

Written by Peu

Namorado da Miss Sombra, sou apaixonado por voar e por música. Um Pernambucano que gosta de tudo um pouco.
"Sou o coração do folclore nordestino, eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá. Sou o boneco do Mestre Vitalino, dançando uma ciranda em Itamaracá. Eu sou um verso de Carlos Pena Filho, num frevo de Capiba, ao som da orquestra armorial. Sou Capibaribe num livro de João Cabral.

SOU MAMULENGO DE SÃO BENTO DO UNA, vindo no baque solto de um Maracatu! Eu sou um alto de Ariano Suassuna, no meio da Feira de Caruaru. Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta, levando a flor da lira pra Nova Jerusalém... Sou Luis Gonzaga e eu sou mangue também.

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte.

Sou Macambira de Joaquim Cardoso. Banda de Pífano no meio do Canavial. Na noite dos tambores silenciosos, sou a calunga revelando o Carnaval. Sou a folia que desce lá de Olinda, o homem da meia-noite puxando esse cordão... Sou jangadeiro na festa de Jaboatão

Eu sou mameluco, sou de Casa Forte... Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte."

Comentários