, ,

LSD – Efeitos como você nunca viu antes

Queridos leitores!

Trago uma matéria para vocês sobre o alucinógeno sintético psicoativo; Nosso querido LSD. (talvez não tão querido assim)

O LSD foi descoberto em 7 de abril de 1938 pelo químico suíço Dr. Albert Hofmann nos Laboratórios Sandoz em Basel, Suíça, como parte de um grande programa de pesquisa em busca de derivados da ergolina que impedissem o sangramento excessivo após o parto. Viu-se obrigado a interromper o trabalho que estava realizando naquele instante devido aos sintomas alucinatórios pelos quais estava passando.

SWITZERLAND-SCIENCE-DRUGS-LSD-HOFMANN

(Albert Hofmann)

Hofmann chegou a dizer que todos da América deveriam experimentar o LSD.

CIA (Centro de inteligência Americana)

cia

Os serviços de inteligência da Guerra Fria estavam muito interessados nas possibilidades de utilizar o LSD em interrogatórios e em controle de mente, e também para uma engenharia social de larga escala. A CIA conduziu diversas pesquisas sobre o LSD, das quais a maioria foi destruída. O LSD foi a área central de pesquisa do Projeto MKULTRA, um codinome para o projeto da CIA de controle de mentes.

        A dilatação das pupilas é uma das reações físicas ao LSD

Pupilas_Dilatadas

 

O LSD pode provocar ilusões, alucinações (auditivas e visuais), grande sensibilidade sensorial (cores mais brilhantes, percepção de sons imperceptíveis), sinestesias, experiências místicas, flashbacks, paranoia, alteração da noção temporal e espacial, confusão, pensamento desordenado, despersonalização, perda do controle emocional, sentimento de bem-estar, experiências de êxtase, euforia alternada com angústia, pânico, ansiedade, dificuldade de concentração, perturbações da memória, psicose por “má viagem” (bad trip). Os efeitos variam conforme a psiquê da pessoa.

EFEITOS

O LSD não causa dependência física, podendo no entanto causar dependência psicológica, sendo considerada uma droga pesada por alguns psiquiátricos. Outros descrevem que a droga não causa dependência física ou psíquica.

BAD TRIP

capa1

BAD TRIP (viagem ruim) quando se toma a droga e o efeito é de medo, paranoia e pavor (sensações ruins), o que ocorre devido à própria pessoa que ingeriu o LSD, pois já se encontrava em um estado psicológico instável. A substância apenas catalisa as emoções presentes no indivíduo, sejam positivas ou negativas, não as causa.

Para reduzir a possibilidade de uma “bad trip”, é necessário estar em um estado emocional estável e positivo, bem como em um lugar indubitavelmente agradável e seguro, com um número reduzido de pessoas, sendo que todas devem inspirar confiança ao experimentador, assim diminuem os riscos de quaisquer desconfianças evoluírem para paranoias/psicoses.

Abaixo alguns vídeos de pessoas e simulação sobre o LSD.

SAMU SEU CU

GAROTA SOBRE EFEITO – ”meuuu Deus” 

Simulação LSD (Inglês)

BÔNUS

Fritando humanos

FORTE ABRAÇO! 

Obrigado queridos leitores.

Qualquer erro deixe nos comentários e se tiver alguma sugestão envie no facebook.

Thanks!

Written by Coruja

Nascido no interior do Paraná, viveu a infância nos EUA e mora atualmente em Cuiabá. Amante das músicas clássicas, livros, séries e das mais bizarras histórias de guerras. Autor do iéb desde Abril/2015.

Comentários