, ,

Os tristes casos de cobras suicidas (isso é sério, rs)

Algo me diz que o Peu não vai gostar desse post, mas vamos lá, hehe.

Às vezes, as cobras comem as suas próprias caudas, criando um círculo. Isso é sério, e acontece geralmente quando estão em situações de grande estresse.

  • Por quê fazem isso?

Cobras são animais de sangue frio, o que significa que não são capazes de regular a temperatura de seu corpo. Elas precisam de fontes externas de calor (como o sol ou uma lâmpada, no caso de uma cobra de estimação), a fim de se aquecer. Mas se o ambiente ficar muito quente, eles não são capazes de suar para esfriar o próprio corpo, e precisam encontrar refúgio em um local com uma sombra fresca.

Se as cobras ficam muito quentes, elas podem ficar confusas e desorientadas. Elas também ficam com o metabolismo muito acelerado, o que as leva a ter uma falsa sensação de fome e desejo de comer a primeira coisa que veem.

Como as cobras em cativeiro geralmente vivem sozinhas e a comida não está rotineira e consistentemente disponível para elas, algumas acabam atacando a si mesmas.

As cobras também podem atacar a si mesmas se estiverem com problemas de visão, o que pode fazer com que acabem confundindo sua cauda com um presa.

  • Como salvá-las?

Se você presenciar uma cena dessas, a melhor atitude a tomar é reduzir a temperatura do ambiente. Se a cobra for de cativeiro, desligue as luzes e jogue água fresca no animal. Isso pode aliviar seu estresse e salvar a vida do bicho.

Por vezes, a intervenção de um veterinário é necessária.

  • Chega a ser um episódio suicida? Ou seja, acabam morrendo de verdade?

Como cobras evoluíram para capturar o alimento e o engolir, pode ser difícil para elas simplesmente pararem, uma vez que começam a comer.

Robert Mott, um cinegrafista amador, estava dentro de uma loja de animais de estimação quando se deparou com a serpente do vídeo desse post. Na descrição do vídeo no YouTube, ele disse que o proprietário não estava imediatamente disponível para tomar as providências necessárias e salvar a coitada da cobra. Observe que a cobra já até sangrava:

Embora não haja informações básicas sobre quando esse animal em particular foi alimentado pela última vez ou qual era a temperatura interna do tanque, o fato de que ele está dentro do prato de água e ainda está tão agitado não é um bom sinal. A cobra começa a tirar sangue em si mesmo no meio do caminho durante o vídeo e, infelizmente, não se sabe qual foi o resultado deste incidente.

Fonte das informações: Hypescience

 

Written by Danibrowser

Fundador do IÉB, o administra desde 2007, e não viu nem 1% da bizarrice do mundo.

Comentários